quinta-feira, 17 de junho de 2010

já era hora


Apesar da política externa do atual governo brasileiro focar em ajudar ditadores de terceiro mundo, parece que alguém do Ministério das Relações Exteriores percebeu que no meio diplomático, um pouco de glamour sempre é necessário.

Com base nisso, foi assinado Decreto criando a representação diplomática do Brasil em Mônaco. Agora os brasileiros que lá tem algum problema poderão contar, oficialmente, com algum ajuda. Por enquanto a responsabilidade está com a Embaixada de Paris.

E cá entre nós, é muito mais fácil (e melhor) estar em Mônaco do que em Islamabad, Díli ou Pyongyang.

Quem sabe é uma premonição do Itamaraty da volta dos tucanos ao poder.

2 comentários:

gera disse...

realmente, qquer problema tinha q recorrer a paris. uns anos atras um colega de trampo alugou uma scooter, foi ate monaco e quebrou o braço. até hj lembro do perrengue rsrs

K. disse...

será que vão fazer nossa embaixada em um iate? ia ser tudo! hihi